0
0
0
s2sdefault

ATUALIZADA DIA 13 MAIO 2019

 

ÁGUA BOA – O governo do Estado deve ao Hospital Regional Paulo Alemão, 4 meses de repasses atrasados.

São R$ 2,4 milhões de reais em atrasos. O atual governo Mauro Mendes, quando assumiu, herdou uma dívida de R$ 3 milhões do governo Pedro Taques.

Mesmo com os atrasos, o Hospital Regional segue com atendimento normal, graças à participação dos municípios consorciados.

O caso na saúde pública é herança do governo anterior.

 

=================================== 

 

Publicada em 19 de janeiro 2019

ÁGUA BOA – O governo do Estado deve ao Hospital Regional Paulo Alemão, 5 parcelas atrasadas de R$ 600 mil reais. O total da dívida chega ao montante de R$ 3 milhões.

Significa que dos últimos 12 meses, o governo deixou de repassar recursos por quase metade do ano. Mesmo assim, o Hospital Regional mantem atendimento normal aos usuários, graças às prefeituras que estão bancando toda a estrutura.

A informação é de Mauro Rosa da Silva, prefeito que preside o Consórcio Regional.

Hospital Regional