• Anuncie
  • Informativo Camara
  • Brasil Escolar

         

0
0
0
s2sdefault

ÁGUA BOA – O ex-presidente da Câmara de Vereadores de Água Boa, José Ari Zandoná concedeu entrevista no último dia do ano de 2018 à Rádio Interativa. Ari relatou o bom ano a frente do poder Legislativo e disse que continuará trabalhando para o povo.

Ele também desejou sorte ao novo presidente eleito para gerir a Câmara Legislativa no biênio seguinte, Luiz Cesar de Lara Pinto Filho, o ‘Cesinha’. Ari Zandoná, lembrou da polêmica matéria aprovada pela Câmara que trata da verba indenizatória. O vereador disse que a verba no valor de R$ 2.000,00 é um direito dos vereadores, porém, os legisladores não são obrigados a 'pegar' o valor. Ari Zandoná, ‘Cesinha’, Alan Apio e Jonathan não estão utilizando a verba indenizatória.

Ari afirma que não utilizou e nem vai usar a verba nos dois anos que ainda restam.

O ex-presidente lembra que se não existisse a verba indenizatória em Água Boa, ao invés de devolver R$ 290 mil ao poder Executivo seria devolvido quase R$ 400 mil. Só em 2018 foram gastos R$ 154 mil com a verba indenizatória. Ari disse que não faz uso da verba, pois, o salário de vereador para ele já é o suficiente.

O salário atual de um legislador de Água Boa é de R$ 6 mil bruto e R$ 5.100 líquido. A verba de R$ 2 mil pode ser utilizada pelos vereadores nos 12 meses do ano. Se todos os 11 vereadores eleitos usassem a verba, o gasto mensal seria de R$ 22 mil. Um total de R$ 264 mil em 1 ano.

Ari Zandoná ainda lembra do sonho que foi realizado, com a ampliação da Câmara de Água Boa.