• HVA
  • Brasil Escolar
  • Informativo Camara

         

0
0
0
s2sdefault

Ten Cel Gyancarlos ÁGUA BOA – Moradores estão reclamando do aumento do número de pedintes nas ruas da cidade. As pessoas pedem comida, mas principalmente dinheiro.

Alguns inclusive dizem que precisam do dinheiro para sustentarem seus vícios. Esta semana, uma lojista do centro foi atender uma pessoa que exigiu dinheiro dela. O homem disse que tinha sido libertado da prisão e não tinha condições de se sustentar.

Como a mulher negou ajuda, o homem a ameaçou de morte. Ele conseguiu fugir antes que a polícia fosse chamada. Os moradores estão com medo dessa situação. A lojista sugeriu que a prefeitura tome uma atitude e passe pagar a passagem para enviar os reeducandos para suas comarcas de origem.

Ela afirma que as pessoas na cidade estão perdendo seu direito de ir e vir, vivendo com medo da onda de assaltos e furtos.

O comandante do policiamento na cidade, tenente coronel Gyancarlos Cabelho confirmou que a PM sabe do aumento de gente na cidade pedindo dinheiro. Ele pede que os moradores chamem a polícia para que os pedintes sejam abordados e identificados.

Gyancarlos orienta que os moradores também não deixem os pedintes entrarem em seus pátios, para evitar roubos e furtos. O Tenente coronel confirmou que está havendo a libertação de grande número de reeducandos.

Muitos deles não tem condições para se sustentar e passam a pedir dinheiro dos moradores e lojistas. Gyancarlos Cabelho pede atenção aos moradores na hora de sair, trancando bem as casas para dificultar os arrombamentos e furtos.