• Brasil Escolar
  • HVA
  • Informativo Camara

         

0
0
0
s2sdefault

RIBEIRÃO CASCALHEIRA – Uma ação integrada entre as Polícias Civil e Militar, devolveu a liberdade para 6 vítimas que eram mantidas reféns em uma fazenda no município de Ribeirão Cascalheira.

A fazenda Lago Azul, 100km de Ribeirão Cascalheira, foi invadida por um grupo de indivíduos fortemente armados, no sábado (06/JAN).

Houve um intenso tiroteio efetuado pelos criminosos, com o objetivo de intimidar as pessoas e dominar o local, causando medo e pânico. Uma testemunha conseguiu fugir pelo matagal e avisou a polícia. 

Na madrugada deste domingo (07), policiais civis de Canarana e Ribeirão Cascalheira, com policiais militares de Canarana, Ribeirão Cascalheira e Força Tática de Água Boa, 'estouraram' o cativeiro onde as vítimas eram mantidas reféns.

Algumas delas apresentavam hematomas pelo corpo devido às agressões sofridas por parte dos criminosos que agiram com extrema violência.

Vários disparos de arma de fogo, foram efetuados pelo grupo em direção às forças policiais, que revidaram. Dois criminosos foram presos e, com eles, duas armas de fogo, sendo 1 revólver cal. 38 e uma pistola cal. 22.

Foram apreendidas munições de diversos calibres e cápsulas de fuzil no local, demonstrando o alto poder de fogo, que, o grupo integrado por oito homens tinha a sua disposição.

Seis criminosos adentraram a mata e até o momento não foram localizados pelos policiais. 

A delegada de plantão Dra. Luciana Canaverde, adotou providências para que a ação integrada pudesse ser realizada e, posteriormente, conduziu o flagrante dos dois indivíduos presos que foram autuados pelo cometimento de diversos crimes, dentre eles: sequestro e cárcere privado.