• Brasil Escolar
  • Informativo Camara
  • Anuncie
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

ATUALIZADA DIA 12/SET

ÁGUA BOA – A massa de ar seco segue atuando no Centro Oeste. Ontem, segunda-feira, foi registrada a temperatura mais alta do ano, com 38 graus e 2 décimos, por volta das 16hs. O registro é da Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17.

 

======================== 

 

ATUALIZADA DIA 19/07 

ÁGUA BOA – A frente fria mais forte dos últimos 20 anos continua atuando na região Araguaia. Por volta das 6hs da manhã de hoje, os termômetros registraram 12 graus e 1 décimo na estação meteorológica do Inmet localizada no Rancho 17, ao lado da cidade.

A sensação térmica porém, era de 10 graus por causa dos ventos frios. Em Gaúcha do Norte, a temperatura mínima foi de 12,8. Em Rondonópolis, a mínima caiu hoje para 6 graus.

O dia mais frio do ano foi ontem, 18/07: 11,1º

 

============== 

 

ATUALIZADA DIA 18/07

ÁGUA BOA – A frente fria mais forte dos últimos 20 anos também foi sentida no Araguaia. Desde o final de semana, as temperaturas caíram e hoje pela manhã, foi registrada a mais baixa deste ano.

Por volta das 7hs da manhã, os termômetros registraram 11 graus e 1 décimo pela estação meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade. A sensação térmica porém, era de 9 graus por causa dos ventos frios.

Em Gaúcha do Norte, a temperatura mínima foi de 11,6. Em Tangará da Serra, fez hoje 7 graus e 8 décimos.

 

==================

 

ATUALIZADA DIA 07/07

ÁGUA BOA – A frente fria segue atuante na região Araguaia. Esta manhã, por volta das 6hs, os termômetros registraram 12 graus e 4 décimos em nossa cidade.

É a temperatura mais baixa do ano 2.017. O registro é da Estação Meteorológica do Inmet localizada no Rancho 17, ao lado da cidade. 

 

 

================= 

 

 

ATUALIZADA DIA 20/06

ÁGUA BOA – Uma frente fria continua atuando no Araguaia e em Mato Grosso.

No começo da manhã de hoje, terça-feira, por volta das 7hs, as temperaturas caíram para 13 graus e 9 décimos. É a temperatura mais baixa do ano em nossa cidade.

O registro é da Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade.

Em outras regiões do Estado, as temperaturas caíram para 10 graus nesta manhã.

 

=============

 

 

 

ATUALIZADA DIA 19/06

ÁGUA BOA – Uma frente fria continua atuando no Araguaia. No começo da manhã de hoje, segunda-feira, 19/06, por volta das 7hs, as temperaturas caíram para 15 graus e 2 décimos.

O registro é da Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade. É a temperatura mais baixa do ano em nossa cidade.

 

 

 

 

 

===============

 

 

ATUALIZADA DIA 18/06

ÁGUA BOA – Uma frente fria continua atuando no Araguaia. Na madrugada deste sábado, 17/06, por volta das 6hs, as temperaturas caíram para 15 graus e 4 décimos.

O registro é da Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade. Hoje, domingo, a mínima chegou aos 15 graus e 8 décimos.

 

 

 

==================== 

 

 

ÁGUA BOA - A primeira frente fria do ano no Araguaia baixou as temperaturas neste final de semana, conforme anunciado durante a semana passada.

Neste sábado, a temperatura mínima caiu para 17 graus às 7hs da manhã.

Ontem, domingo, a temperatura mínima registrada pela Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado da nossa cidade, foi de 16,4.

Já no começo da manhã de hoje, segunda-feira, por volta das 7hs, a temperatura mínima caiu para 16 graus em nossa cidade.

Add a comment
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

 BARRA DO GARÇAS – Um incêndio criminoso destruiu a mata em torno do Portal do Roncador, a pedra que fica às margens da BR-158 no município de Barra do Garças.

Neste santuário ecológico, o proprietário tem preservado o cerrado ao longo do tempo. As imagens do incêndio consumindo a mata se espalharam pela internet, revoltando as pessoas.

 {cwgallery}

Add a comment
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

ÁGUA BOA - Uma residência com estrutura de madeira foi totalmente consumida pelo fogo que atinge o Setor Universitário. Porteira e plantações também foram atingidas nas imediações do Setor. 

A foto enviada por um popular mostra os prejuízos causados pelo fogo que ainda não foi totalmente controlado.

As fotos são de uma chácara hidropônica localizada na cidade. O incêndio de grande proporção acontece entre a Av. Planalto e Araguaia, nos fundos da Faculdades Cathedral. 

Moradores estão assustados com a velocidade com que o fogo se espalha.

VEJA FOTOS LOGO ABAIXO.

==================

ÁGUA BOA - Outro incêndio está acontecendo no Setor Universitário. As primeiras chamas começaram por volta das 12hrs desta quinta-feira (07). As chamas invadem áreas residências, de chácaras e de empresas. Sendo difícil o acesso em alguns pontos do incêndio. 

O incêndio de grande proporção está tomando conta de matos secos, localizados nos fundos da Faculdades Cathedral na cidade. Um caminhão pipa tenta conter as chamas, mas o incêndio se espalhou por vários pontos diferentes. 

A umidade relativa do ar baixa, deixa o tempo seco, e os ventos fortes, ajudam as chamas a se espalharem. A população da região está preocupada, tendo em vista, que o fogo já esta próximo de mais das casas e empresas. 

Quem trafega pela cidade nesta tarde, se assusta com a altura das chamas, e a vasta fumaça preta nos céus de Água Boa. É o terceiro foco de incêndio em menos de 40 dias no Setor Universitário.

VEJA AS FOTOS.

{cwgallery}

 

 

=====================

 

 

Foto: Rede SocialÁGUA BOA - Um incêndio de grande proporção aconteceu na noite desta terça-feira (05). As primeiras chamas foram registradas por volta das 21hrs. O fogo consumiu uma vasta área de matos secos.

As chamas foram registradas entre a Avenida Araguaia e Avenida Planalto no Setor Universitário. Nossa reportagem esteve no local. O fogo foi quase que totalmente controlado, não oferecendo mais risco à população.

Moradores do Setor Universitário ficaram apavorados e indignados com a fumaça no setor. "É impossível respirar, quase desmaiei, está impossível ficar dentro de casa.", afirmou uma moradora da cidade.

É o segundo registro de incêndio nesta região da cidade. As baixas umidades registradas, matos secos, e época sem chuvas, deixam áreas como essa, suscetíveis a queimadas. No mês de agosto e setembro a umidade chegou a 11% em Água Boa.

Fumaça no Setor Universitário

{cwgallery}

Add a comment
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

CUIABÁ - Os produtores rurais de Mato Grosso têm até o dia 31 de dezembro deste ano para atender às novas metodologias empreendidas pelo Sistema de Cadastro Ambiental Rural (Simcar), sob pena de alteração da situação do demonstrativo de CAR ‘ativo’ para ‘suspenso’. A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) publicará nesta semana o decreto alterando e acrescentando dispositivos ao Decreto 1.031, do dia 02 de junho de 2017. Dos 113,5 mil cadastros na base de dados da secretaria, 18 mil já estão em estado de atualização (em andamento) e 7 mil em análise (com o analista).

Conforme o secretário adjunto de Gestão Ambiental, Alex Sandro Marega, o novo sistema Simcar vem superando as expectativas, pois é mais prático, moderno e possui ferramentas que facilitam o cadastro e a análise, a partir de informação seguras, ao contrário do que acontecia com o sistema federal (Sicar). “A principal vantagem do Simcar é ser próprio, ou seja, quando surgem problemas, dificuldades ou se é necessário acrescentar alguma ferramenta, nós podemos resolver rapidamente pedindo para o setor de tecnologia de informação as mudanças”, explica o gestor.

A Sema dispõe atualmente de 18 analistas no setor para se dedicar às análises dos cadastros, número que pode chegar a 40 por meio de parcerias com instituições públicas e privadas, entre elas, a instituição europeia Iniciativa para Comércio Sustentável (IDH – sigla em inglês), também de prefeituras e ONGs. Para Alex Marega, em pouco tempo a secretaria deve atingir a meta de 2 mil análises mensais e até o ano que vem recuperar a vanguarda na regularização ambiental.

Quando assumiu a gestão da Sema, em abril de 2016, o vice-governador Carlos Fávaro conta que, preocupado com a baixa resolutividade do Sicar, pediu para a nova equipe preparar um relatório identificando o problema e buscando soluções. “Naquele momento, a alternativa mais viável encontrada foi retomar a gestão do sistema, que passou a ser novamente estadual e tem uma grande missão pela frente”.

O Cadastro Ambiental Rural (CAR) é um registro eletrônico obrigatório para todos os imóveis rurais, com a finalidade de integrar as informações ambientais das propriedades e posses rurais do país, compondo base de dados para controle, monitoramento, planejamento ambiental e econômico e combate ao desmatamento. Aquelas propriedades que ainda não estão cadastradas deverão se inscrever, já no novo sistema, até 31 de dezembro deste ano, conforme o novo Código Florestal Brasileiro, (Lei nº 12.651, de 25 de maio de 2012). (Ascom)

Add a comment
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

 ÁGUA BOA – Ocasionalmente ainda se encontram pessoas que tem íntima comunhão com a natureza, como é o caso do apicultor (criação de abelhas para extração do mel). Ontem e hoje cedo, os populares que passaram pela Av. Norberto Schwantes assistiram a um fato raro: a retirada de uma colmeia de abelhas incrustrada em um tronco de árvore, no canteiro central desta avenida.

O trio chefiado pelo Padre Alcides Vergütz desenvolve uma técnica antiga para manipular abelhas da espécie Europa: uso da fumaça. Primeiro, o sacerdote, Zezinho da Catarinense e Silvestre Bonora retiraram os favos de mel. O segundo passo é a retirada do enxame para acondicionamento em uma caixa, tornando a produção de mel organizada de forma artesanal. Muitos apicultores utilizam equipamento completo, como roupas especiais até máscara contra abelhas.

Porém esse trio não se intimidou com a presença das abelhas e possibilidade de ferroadas. Eles desenvolveram a atividade o tempo todo com cuidado, desprotegidos mesmo. “As ferroadas acontecem, mas lidamos com isso naturalmente”, disse Zezinho.

O enxame devidamente acondicionado em uma caixa foi deslocado para uma propriedade rural do PA Jatobazinho.

Apicultura é a ciência, ou arte, da criação de abelhas com ferrão. Trata-se de um ramo da zootecnia. A criação racional de abelhas para o lazer, ou fins comerciais, pode ter como objetivo, por exemplo, a produção de melprópolisgeleia realpólencera de abelha e veneno, ou mesmo fazer parte de um projeto de paisagismo, no Brasil não é possível porque as abelhas africanizadas são mais defensivas e requer uma distância mínima de 300 metros de qualquer aglomeração de pessoas e animais. Além disso, as abelhas são importantes polinizadoras.

 {cwgallery}

Add a comment
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

ÁGUA BOA - Um incêndio de grande proporção aconteceu neste sábado (26), entre a rua 25 e a rua 31, no Bairro Guarujá. O fogo consumiu folhas e lixos que há muito tempo ali foram depositados.

Moradores ficaram assustados com a proporção das chamas e com a proximidade do fogo as residências. Um morador e sua família ficaram do lado de fora de sua casa, porque, segundo ele, o fogo que estava no muro, esta oferecendo risco a saúde de sua família.

Outros moradores também reclamaram que o lixo é jogado ali a vários dias, e agora que esta pegando fogo, suas residências estão em perigo, "Fazem um lixão desses e agora na hora do fogo ninguém veio para ajudar apagar.", disse uma moradora indignada.

O fogo começou em vários pontos em um depósito de lixo que fica localizado entre as ruas 25 e 31 do Bairro Guarujá, em Água Boa, por volta das 10:15hrs da manha deste sábado (26).

{cwgallery}

Add a comment