• Brasil Escolar
  • Anuncie
  • Informativo Camara
0
0
0
s2sdefault

ATUALIZADA DIA 19/07 

ÁGUA BOA – A frente fria mais forte dos últimos 20 anos continua atuando na região Araguaia. Por volta das 6hs da manhã de hoje, os termômetros registraram 12 graus e 1 décimo na estação meteorológica do Inmet localizada no Rancho 17, ao lado da cidade.

A sensação térmica porém, era de 10 graus por causa dos ventos frios. Em Gaúcha do Norte, a temperatura mínima foi de 12,8. Em Rondonópolis, a mínima caiu hoje para 6 graus.

O dia mais frio do ano foi ontem, 18/07: 11,1º

 

============== 

 

ATUALIZADA DIA 18/07

ÁGUA BOA – A frente fria mais forte dos últimos 20 anos também foi sentida no Araguaia. Desde o final de semana, as temperaturas caíram e hoje pela manhã, foi registrada a mais baixa deste ano.

Por volta das 7hs da manhã, os termômetros registraram 11 graus e 1 décimo pela estação meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade. A sensação térmica porém, era de 9 graus por causa dos ventos frios.

Em Gaúcha do Norte, a temperatura mínima foi de 11,6. Em Tangará da Serra, fez hoje 7 graus e 8 décimos.

 

==================

 

ATUALIZADA DIA 07/07

ÁGUA BOA – A frente fria segue atuante na região Araguaia. Esta manhã, por volta das 6hs, os termômetros registraram 12 graus e 4 décimos em nossa cidade.

É a temperatura mais baixa do ano 2.017. O registro é da Estação Meteorológica do Inmet localizada no Rancho 17, ao lado da cidade. 

 

 

================= 

 

 

ATUALIZADA DIA 20/06

ÁGUA BOA – Uma frente fria continua atuando no Araguaia e em Mato Grosso.

No começo da manhã de hoje, terça-feira, por volta das 7hs, as temperaturas caíram para 13 graus e 9 décimos. É a temperatura mais baixa do ano em nossa cidade.

O registro é da Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade.

Em outras regiões do Estado, as temperaturas caíram para 10 graus nesta manhã.

 

=============

 

 

 

ATUALIZADA DIA 19/06

ÁGUA BOA – Uma frente fria continua atuando no Araguaia. No começo da manhã de hoje, segunda-feira, 19/06, por volta das 7hs, as temperaturas caíram para 15 graus e 2 décimos.

O registro é da Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade. É a temperatura mais baixa do ano em nossa cidade.

 

 

 

 

 

===============

 

 

ATUALIZADA DIA 18/06

ÁGUA BOA – Uma frente fria continua atuando no Araguaia. Na madrugada deste sábado, 17/06, por volta das 6hs, as temperaturas caíram para 15 graus e 4 décimos.

O registro é da Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado de nossa cidade. Hoje, domingo, a mínima chegou aos 15 graus e 8 décimos.

 

 

 

==================== 

 

 

ÁGUA BOA - A primeira frente fria do ano no Araguaia baixou as temperaturas neste final de semana, conforme anunciado durante a semana passada.

Neste sábado, a temperatura mínima caiu para 17 graus às 7hs da manhã.

Ontem, domingo, a temperatura mínima registrada pela Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17, ao lado da nossa cidade, foi de 16,4.

Já no começo da manhã de hoje, segunda-feira, por volta das 7hs, a temperatura mínima caiu para 16 graus em nossa cidade.

Add a comment
0
0
0
s2sdefault

Clima CUIABÁ - Uma nova massa de ar frio chega ao Brasil neste domingo (16). O sistema não será apenas o mais forte de 2017, mas também o mais severo dos últimos 20 anos. Há possibilidade de chuva congelada e neve em municípios do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. A massa polar vai provocar geada ampla e de forte intensidade em toda a região sul, em boa parte de Mato Grosso do Sul e no interior de São Paulo.

Grande é a possibilidade de formação de placas de gelo nas rodovias gaúchas e catarinenses, o que aumenta o risco de acidentes, bem como de congelamento de combustíveis. Há indicativo também para geada no sudoeste e sul de Minas Gerais, sul de Goiás, e até no sul de Mato Grosso.

A friagem pode quebrar recordes de temperatura mínima na Amazônia, principalmente entre Acre, Mato Grosso e Rondônia. A última grande friagem na região foi em junho de 1999, quando foram registrados 6°C em Vilhena (RO) e 5°C em Cáceres (MT). No Araguaia, as temperaturas podem cair para 11 graus. (Inmet)

ÁGUA BOA – A Associação dos Engenheiros Agrônomos está de olho na previsão do tempo para o segundo semestre do ano. A notícia também interessa aos produtores rurais da região Araguaia. Segundo meteorologistas do Canal Rural, a previsão é de que o clima deve atuar dentro da normalidade no Centro Oeste nos próximos meses.

Os agrônomos esperam que a chuva retorne no mês de outubro. Não há previsão de nenhum fenômeno climático adverso para o segundo semestre do ano.

Add a comment
0
0
0
s2sdefault

ÁGUA BOA – Acontece neste momento na Câmara Municipal de Vereadores, um Seminário alusivo à Semana do Meio Ambiente. O evento é organizado pelo Conselho Municipal do Meio Ambiente.

A Dra. Fernanda Viegas Reichardt da USP vai palestrar sobre água. Dra. Lia Vasconcelos da Universidade Nova de Lisboa falará sobre a governança colaborativa. Na parte da tarde, terá mesa redonda sobre a definição coletiva do problema da água.

Nesta terça-feira dia 13 de junho, o circuito de palestras sobre o Meio Ambiente será na Escola Agrotécnica do PA Jaraguá, onde os mesmos assuntos estarão em evidência. No dia 14 de junho, a mostra de painéis e apresentação cultural no Espaço José Elmo Kuhn da Praça da Cultura.

Também haverá plantio simbólico de árvores no Vale dos Ipês, nos fundos do CISC. Os eventos da Semana do Meio Ambiente estarão abertos à participação da comunidade em geral.

{cwgallery}

Add a comment
0
0
0
s2sdefault

 ÁGUA BOA – O Superintendente de Estrutura do Turismo de Mato Grosso, Reinaldo Vaz Guimarães, visitou o município nesta quarta-feira. Ele está percorrendo vários municípios de Mato Grosso, com objetivo de conhecer as potencialidades regionais. O objetivo é fomentar o desenvolvimento sócio econômico do estado, através de diferentes atividades de turismo.

Um sonho do ex-prefeito Maurício Cardoso Tonhá era construir um complexo de lazer aproveitando as fontes de águas que nascem nos arredores da cidade, no setor leste, e que escoam pela represa na entrada da cidade. Local do futuro lago

Este riacho pode ser o formador de um futuro lago no complemento da Av. Araguaia, próximo ao Araguaia Parque, onde será construído o Complexo de Lazer. A formação de um lago ajudaria a melhorar o índice de umidade relativa do ar no período prolongado da estiagem.

Add a comment
0
0
0
s2sdefault

ÁGUA BOA – A chegada da estiagem já causa efeitos nocivos no interior do município. O casal Osvaldo e Helena tem um sítio no PA Santa Cruz e já relata problemas de falta de água potável.

A terra deles tem poucas fontes de água potável, e a escassez já está batendo na porteira da propriedade. A água está se tornando insalubre e até o gado padece com o problema.

A família não tem condição de perfurar um poço artesiano, e por isso, a cada período de estiagem, eles convivem com o velho dilema. Este problema é recorrente e também é registrado em outros assentamentos do interior.

Parece algo contraditório morar em um município que se chama Água Boa, mas que para alguns, essa água não existe ou é insalubre.

Add a comment
0
0
0
s2sdefault

ATUALIZADA DIA 02/06

ÁGUA BOA – Adelir Uebel registrou no mês de maio 20 milímetros de chuvas no centro da cidade. No acumulado dos 5 primeiros meses do ano, o total alcança 835 milímetros no centro da cidade. 

Já a estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17 ao lado da cidade, registrou em maio, 22 milímetros de precipitações. Pelo Inmet, o acumulado de janeiro a maio alcança 740,6 milímetros. No mês de maio, Sebastião e Dejanira Resende registraram 32 milímetros de chuvas na Serrinha.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

==================== 

 

ÁGUA BOA - Abril registrou boas chuvas no município, frente ao mesmo período do ano passado. Adelir Uebel apontou o total de 74 milímetros de chuvas no centro da cidade. Em 2016 foram 11 mm no mês de Abril. O maior acumulado para o mês nos últimos 20 anos foi registrado nos anos de 2008 e 2015, com 238 mm registrados. De janeiro a abril, o acumulado alcança 815 milímetros.
Já na Serrinha, Deijanira e Sebastião Resende registraram 133 milímetros de precipitações em abril. Serrinha já registra um acumulado de 1031 mm de janeiro a abril.
O colaborador Arlindo ‘Mano’ Milnikel, do Sítio Mil no P.A. Jaraguá, registrou 127 mm no mês de abril. Segundo Mano, desde 2014 não era registrada chuva no mês de abril na região do P.A. Jaraguá. Mano registrou um acumulado de 1722 mm de janeiro a abril de 2017.
Já a Estação Meteorológica do Inmet, localizada no Rancho 17, ao lado da cidade, registrou cerca de 145 mm em abril, e um acumulado de 718,6 milímetros de precipitações de janeiro a abril de 2017.

=====================

ATUALIZADA DIA 02 ABRIL/2.017

ÁGUA BOA - Março registrou boas chuvas no município. Adelir Uebel apontou o total de 215 milímetros de chuvas no centro da cidade no mês passado. De janeiro a março, o acumulado alcança 741 milímetros.

No primeiro trimestre do ano passado, Uebel apontou 726 milímetros, praticamente a mesma quantidade desse ano.

Nos últimos 20 anos, o primeiro trimestre mais chuvoso foi em 2.004, com 1.272 milímetros. Já o primeiro trimestre menos chuvoso ocorreu em 2.001, com apenas 486 milímetros de chuvas.

Já na Serrinha, Dejanira e Sebastião Resende registraram 182 milímetros de precipitações em março.

Com os 530 milímetros de fevereiro e os 186 de janeiro, o primeiro trimestre fecha com 898mm de precipitações na Serrinha.

Já a Estação Meteorológica do Inmet registrou em fevereiro, 251,6 milímetros, 145mm em janeiro, e outros 175mm agora em março.

No primeiro trimestre do ano, o Inmet registra o acumulado de 573,6 milímetros de precipitações.

 

====================  

ATUALIZADA DIA 02/03

 ÁGUA BOA – No mês de fevereiro, Sebastião e Dejanira Resende registraram 530 milímetros de chuvas na Serrinha. Em janeiro, o acumulado foi de 186 milímetros. No primeiro bimestre, o total chega aos 716 milímetros de precipitações na Serrinha.

No centro da cidade, Adelir Uebel registrou em fevereiro, o acumulado de 334 milímetros no centro. Somados aos 192 milímetros de janeiro, o acumulado do primeiro bimestre alcança 526 milímetros de precipitações.

Nesta temporada de chuvas que começou em agosto, segundo Adelir, o total acumulado é de 1.257 milímetros no centro da cidade.

Já a Estação Meteorológica do Inmet registrou em fevereiro, 251,6 milímetros de precipitações. Com os 145mm de janeiro, o bimestre acumula 396,6 milímetros pelo Inmet.

================ 

ATUALIZADA DIA 27/02 - 

ÁGUA BOA – As chuvas no primeiro bimestre de 2.017 são consideradas boas.

Em janeiro, a Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17 registrou 145 milímetros. Até agora, em fevereiro, são mais 252 milímetros.

No primeiro bimestre, o acumulado total alcança 397 milímetros de precipitações.

================

ATUALIZADA DIA 13/02 - 

ÁGUA BOA – As chuvas foram abrangentes em toda a região no final de semana. Arlindo Mano Milnikel registrou 165 neste domingo mais 34 na madrugada de hoje no PA Jaraguá.

No PA Santa Maria foram 72 milímetros neste domingo. Adelir Uebel informa a ocorrência de 138 de sábado para domingo e outros 14 milímetros a noite passada, totalizando 152 milímetros no final de semana no centro da cidade.

Nesta temporada de chuvas, Adelir registra cerca de 1.100 milímetros. A Estação Meteorológica do Inmet no Rancho 17 ao lado da cidade acusou 160 milímetros neste final de semana. Em fevereiro, já são 180 milímetros contabilizados pelo Inmet.

Em janeiro tinham sido 145 milímetros de precipitações. Na região da Serrinha, Sebastião Resende registrou 45 milímetros neste domingo, e continuava chovendo agora pela manhã. 

===================

DIA 01 FEV

ÁGUA BOA – O mês de janeiro fechou com 145 milímetros de chuvas na Estação Meteorológica do Inmet, localizada no Rancho 17, ao lado da cidade. As chuvas foram 68% abaixo do acumulado em janeiro do ano passado.

Em janeiro de 2.016, o Inmet tinha registrado 450 milímetros. A média de chuvas para janeiro sempre ficava na faixa dos 300 milímetros. Sebastião Resende registrou ontem outros 10 milímetros de chuvas na Serrinha.

Em janeiro, o acumulado alcançou 236 milímetros de precipitações na Serrinha. Arlindo ‘Mano’ Milnikel registrou no PA Jaraguá, 320 milímetros agora em janeiro. Adelir Uebel registrou 192 milímetros de chuva no mês de janeiro, no centro da cidade. 

Add a comment