• Informativo Camara
  • Brasil Escolar
  • HVA

         

0
0
0
s2sdefault

ATUALIZADA DIA 31/MAIO

 

ÁGUA BOA - um caminhoneiro grevista que ficou acampado em Água Boa por 10 dias enviou via redes sociais um desabafo sobre a situação. Vale a pena ler:

""O fim da luta, queimado pelo sol, com as pernas cansadas pelas noites e dias de pé, eu dei o meu melhor e jamais me julgarei por isso... foi difícil contornar conflitos desarmar ânimos exaltados, sentir dó, sentir a dor do próximo, buscar a paz em um terreno hostil. Não vamos levar borrachada por um povo que não merece... a chance de mudar tivemos, agora só nos basta continuarmos como escravos da era moderna.

Já iniciamos o ano devendo pára o governo e não somos donos de nada que achamos ser nosso. Experimente deixar de pagar impostos e eles titarão tudo o que é nosso. Afinal, o governo é sócio-majoritario de tudo. Nunca mais passarei e nunca mais vou submeter minha família a tamanha preocupação. Sim, foram inúmeros os dias em que tive que tentar acalmar minha esposa e filhos dizendo que nossa luta era verbal, sem violência, mas eu sabia o risco que estávamos correndo, dando nossa cara a tapa.

Dessa vez deixamos de ser patriotas e viramos idiotas. Sensação de angústia, mas com o dever cumprido.

Grato serei eternamente ao povo de Água Boa pela hospitalidade e generosidade. Vocês jamais serão esquecidos. Nestes 10 dias de luta ficaram eternizados. Talvez entraremos para a história por ter dado um enorme prejuízo ao país, mas também podemos ser lembrados por termos iniciado a revolução que o mudou. Não sabemos qual será o fim da história, mas sempre guardaremos em nosso coração, que o intuito era bom, em busca de uma pátria amada melhor.

Obrigado a todos vocês, fazendeiros, guerreiros e heróis do solo, que enfrentam as adversidades do tempo apostando em uma boa safra, vocês também são heróis"". (Caminhoneiro Agnaldo Ferreira Machado)

 

========================= 

PUBLICADO EM 30 DE MAIO

ÁGUA BOA - Alimentos que sobraram da greve dos caminhoneiros foram doados pelos caminhoneiros manifestantes. 

São gêneros alimentícios, carne, refrigerantes e outras doações entregues por comerciantes, produtores rurais e pessoas da sociedade. Os caminhoneiros antes de seguirem viagem, encaminharam as doações para o Lar da Criança e para a Associação Pestalozzi.

 As entidades beneficentes ficaram satisfeitas com este gesto. Já os caminhoneiros agradeceram o apoio da sociedade, e preferiram fazer a doação do excedente para as entidades assistenciais da cidade.

 

============================== 

 

VALE DO ARAGUAIA - A greve dos caminhoneiros em Serra Dourada, Canarana (BR-158), em Nova Xavantina (BR-158) e em Barra do Garças (BR-070) acabou. Em Água Boa (BR-158), o protesto também terminou. Os manifestantes dispersaram e voltaram a trafegar pela BR-158. Com isso, o trânsito de caminhões pela rodovia aumentou.

Diante disso, também deve ser retomado nas próximas horas o transporte de cargas com gêneros alimentícios, combustíveis e frutas e verduras para abastecer a região Araguaia. O principal ponto de abastecimento é na CEASA de Goiânia.

Porém, os fornecedores avisam que a normalização do abastecimento deve demorar alguns dias. 

 

==============================

ÁGUA BOA – A manifestação dos caminhoneiros na BR-158 em frente ao Aeroporto Municipal prossegue. Esta manhã, alguns caminhoneiros abandonaram o protesto, mas outros seguem acampados. O movimento perde força. A população segue solidária contribuindo com alimentação para os motoristas que tem medo de seguir viagem. Ontem, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Miliar estiveram no local para pedir a liberação de alguns caminhões retidos que estavam transportando combustível para outras cidades.

ÁGUA BOA – Os postos de combustíveis da cidade seguem sem combustíveis. Não há previsão para a chegada de novas cargas com gasolina, álcool e óleo diesel. A noite passada, um posto recebeu uma carga, mas as vendas foram intensas durante a madrugada. Agora só abastecem viaturas das polícias e serviços essenciais como ambulância. Outros postos não tem estoque de combustíveis. Não há previsão para isso ocorrer. O reabastecimento de frutas, verduras, carnes e demais gêneros alimentícios pode demorar alguns dias para se normalizar.

NOVA XAVANTINA – A manifestação dos caminhoneiros prosseguia na cidade vizinha. O repórter Ceris Brito da Rádio Roncador de Nova Xavantina informou agora pela manhã, que a paralisação dos caminhoneiros já causa desabastecimento em postos de combustíveis, depósitos de gás de cozinha e supermercados. Porém, muitos motoristas longe de casa há 10 dias, querem acabar com o movimento.

 

============================== 

 

DIA 29/05

ÁGUA BOA – A manifestação dos caminhoneiros prossegue às margens da BR-158 no aeroporto municipal de Água Boa. Em nossa cidade, o protesto dos caminhoneiros recebe total apoio da sociedade, com adesão dos produtores rurais e demais categorias de trabalhadores. Hoje, mais de 150 motoristas estão acampados nas imediações do aeroporto. Eles dizem que o protesto vai continuar. A rodovia não está interditada, e por esse motivo, as autoridades não tem motivos para agir. Daqui a pouco, a cobertura completa no bloco de reportagens.

ÁGUA BOA – As escolas municipais e estaduais tem aulas normais nesta terça-feira em nossa cidade. O transporte escolar está garantido para rodar normalmente até quarta-feira. Já a Escola Pestalozzi não tem aulas nesta semana por falta de combustível. As aulas estão suspensas na Escola Pestalozzi e serão retomadas na próxima segunda-feira, 04 de junho, se o abastecimento de combustíveis estiver normalizado.

ÁGUA BOA – O gás de cozinha acabou em nossa cidade. Agua mineral ainda existe em alguns revendedores. Frutas e verduras praticamente não tem estoques. O perigo de desabastecimento ocorre só com os gêneros alimentícios mais consumidos. A carne pode faltar já nos próximos dias, pois os estoques nas câmaras frias estão acabando. A remessa de novos estoques de alimentos não acontece devido à paralisação nacional dos caminhoneiros. A ordem hoje é economizar gás de cozinha e alimentos. A saída é fazer uma variação nos alimentos. Em Canarana e Nova Xavantina, a população também enfrenta desabastecimento de combustíveis.

CONFRESA – Em Confresa os manifestantes seguem com bloqueio parcial da pista, impedindo apenas a passagens de caminhões e carretas. Também ocorrem protestos em Vila Rica na BR-158, e na MT-430 no distrito de Santo Antônio do Fontoura, onde produtores rurais e motoristas boqueiam a rodovia estadual para o tráfego de caminhões. Manifestos também prosseguem em Serra Dourada, distrito de Canarana, Nova Xavantina e Barra do Garças onde a Polícia Rodoviária Federal, (PRF), acompanha de perto os protestos.

BRASÍLIA - PROTESTOS SEGUEM EM 22 ESTADOS E NO DISTRITO FEDERAL.

CUIABÁ - PROTESTOS EM PELO MENOS 30 PONTOS DE RODOVIAS FEDERAIS E ESTADUAIS DE MATO GROSSO.

==================================== 

28/05/2018

ÁGUA BOA – A manifestação dos caminhoneiros prossegue às margens da BR-158 no aeroporto municipal de Água Boa. Em nossa cidade, o protesto dos caminhoneiros recebe total apoio da sociedade, com adesão dos produtores rurais e demais categorias de trabalhadores. Ontem, domingo, foi celebrada uma missa campal renovando a esperança dos motoristas. Hoje, mais de 150 motoristas estão acampados nas imediações do aeroporto. Eles dizem que o protesto vai continuar. A rodovia não está interditada, e por esse motivo, as autoridades não tem motivos para agir. Daqui a pouco, a cobertura completa no bloco de reportagens da Rádio Interativa FM-Água Boa.

CUIABÁ – Caminhoneiros fazem o oitavo dia de manifestação na manhã desta segunda-feira (28/05) em 32 trechos nas rodovias federais e estaduais de Mato Grosso. Em todo país, estão sendo registrados protestos de caminhoneiros em 24 estados e no Distrito Federal. Manifestação ocorrem nas MT-480 e MT-358 em Tangará da Serra. A Polícia Rodoviária Federal informou que são 30 locais com manifestações nas rodovias ferais. Paralisação em Rondonópolis, BR-163. Nova Mutum BR-163. Lucas do Rio Verde BR-163. Sorriso, Sinop e Lucas do rio Verde, BR 163. Jaciara BR-364. Em Cuiabá, a manifestação acontece no Distrito Industrial BR-364 e na BR-070 (rodovia dos Imigrantes). No Araguaia, as paralisações acontecem em Água Boa, Canarana, Querência, Nova Xavantina e em Confresa. A cidade de Nova Xavantina fará manifestação hoje às 14hs. Os cidadãos vão apoiar o protesto dos caminhoneiros. Ontem, domingo, ocorreu protesto da população apoiando a greve dos caminhoneiros na cidade de Barra do Garças.

CUIABÁ – O Governo do Estado suspendeu o expediente do funcionalismo público nesta segunda-feira (28), em razão da paralisação geral dos caminhoneiros. Também estão parados hoje o Tribunal de Justiça, Ministério Público Estadual, Defensoria Pública e a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). O Indea funciona normalmente hoje em Agua Boa e Nova Xavantina. A Ciretran está fechada nesta segunda-feira.

ÁGUA BOA – As escolas municipais e estaduais tem aulas normais nesta segunda-feira. O transporte escolar está garantido para rodar normalmente até quarta-feira. Já a Faculdades Cathedral/Unopar não terá aulas hoje, segunda-feira.

ÁGUA BOA – O gás de cozinha acabou em nossa cidade. Agua mineral ainda existe em alguns revendedores. Frutas e verduras praticamente não tem estoques. O perigo de desabastecimento ocorre só com os gêneros alimentícios que forem mais consumidos. A carne pode faltar já nos próximos dias, pois os estoques nas câmaras frias estão acabando. A remessa de novos estoques de alimentos não acontece devido à paralisação nacional dos caminhoneiros. A ordem hoje é economizar gás de cozinha e alimentos. A saída é fazer uma variação nos alimentos. Em Canarana e Nova Xavantina, a população também enfrenta desabastecimento de combustíveis.

BARRA DO GARÇAS – O maior frigorífico de carne bovina de Mato Grosso, Friboi de Barra do Garças, está parado, em virtude da falta de logística para transportar a carne do frigorífico para os portos e pontos de revenda. O frigorífico de Barra do Garças emprega quase duas mil pessoas e trabalha com três turnos. A capacidade de abate da unidade barra-garcense é uma das maiores do Brasil, com 1.500 bois por dia.

BRASILIA – A Petrobrás anunciou a queda de 5 centavos no preço do litro da gasolina para as distribuidoras. A partir desta terça-feira, a gasolina será vendida pela Petrobrás a R$ 1,95, mas na semana passada, chegou a R$ 2,08. O litro do óleo diesel hoje ainda está valendo R$ 2,10, mas chegou aos R$ 3,27 na semana passada, o que motivou a greve dos caminhoneiros. Daqui a pouco, no bloco de reportagens, as últimas notícias sobre a manifestação nacional dos caminhoneiros.

 

=========================

 

PUBLICAÇÃO DIA 27 DE MAIO

BRASÍLIA - No país existem 586 pontos de protesto de caminhoneiros em andamento. Os números são da Polícia Rodoviária Federal. Na maior parte dos casos, os manifestantes não estão bloqueando as pistas para automóveis, apenas para veículos de carga.

CUIABÁ - Em Mato Grosso, a Polícia Rodoviária Federal informa que existem bloqueios nos municípios de Barra do Garças, Água Boa, primavera do Leste, Campo Verde, Cuiabá, Rondonópolis, Sapezal, Sinop, Nova Mutum, Lucas do Rio Verde, Ponte e Lacerda, e em Comodoro. Algumas dessas cidades registram até dois pontos de bloqueio. A nossa reportagem foi informada de que também existem dois bloqueios na cidade de Confresa, nas saídas para Vila Rica e Porto Alegre do Norte.

ÁGUA BOA - Em Água Boa a manifestação pacífica dos caminhoneiros prossegue na BR-158 na região do Aeroporto Municipal. Na MT-326 no rio das Mortes entre Nova Nazaré e Cocalinho, só uma balsa opera. A outra está em manutenção. Uma missa campal será celebrada às 18hs deste domingo no local do protesto da rodovia em Água Boa.

 

========================== 

 

ÁGUA BOA - Caminhoneiros e demais categorias de trabalhadores acampados no trevo da BR-158 com a MT-240 no município de Água Boa/MT, seguem com o manifesto, que cada vez recebe mais adesão de populares. Para este domingo, haverá celebração de missa no ponto do protesto pacífico. A rodovia não está bloqueada, porém, os poucos motoristas de caminhão que ainda trafegam, vão engrossando o caldo e aderindo à paralisação. DETALHES NAS PRÓXIMAS HORAS

======================== 

ÁGUA BOA - Na cidade o protesto continua na rotatória da MT-240/BR-158, mesmo após várias declarações e decretos do governo, na tentativa de acabar com a greve. 

O reflexo do protesto que começou no país na segunda-feira, já toma conta do Vale do Araguaia inteiro, postos faltando combustíveis, mercados começando a sentir os impactos, falta gás de cozinha, frutas e verduras, o que mostra que realmente houve uma união completa de quase toda sociedade, dando assim, os resultados desejados pela greve. 

Segundo vários caminhoneiros, a classe, antes da greve era menos valorizada, alguns afirmam que o povo e os políticos não reconheciam o trabalho da classe, agora, como está faltando tudo, e literalmente o Brasil está parando, a classe será muito mais respeitada do que antes, será vista com outros olhos. Eles ainda dizem, que é somente assim, parando o país, que o governo irá fazer algo para mudar o cenário atual. 

Em Água Boa o cenário não é diferente do resto do Brasil, postos de combustíveis já fecham suas portas e param o atendimento por falta de estoque. 

Os caminhoneiros que estão na manifestação em Água Boa disseram que vão manter até o 'fim' essa paralisação. Populares, entidades, empresas, agricultores, pecuaristas, todos se uniram a essa paralisação. Um grupo de pessoas tem se unido e levado alimentação e água para os caminhoneiro que estão no trevo na saída de Água Boa para Canarana. A cada hora que passa, os protestos na região do Vale do Araguaia, ganham mais força e mais apoiadores.

FOTOS NO FINAL DA MATÉRIA.

TODAS AS FOTOS NO NOSSO FACEBOOK, VEJA: https://goo.gl/cNrk2f

 

=======================

 

A 3 ÁGUA BOA - A cidade de Água Boa parou nesta sexta-feira com o ato de protesto dos caminhoneiros apoiados por todas as categorias de trabalhadores e classes da sociedade. A iniciativa de fechar o comércio partiu de Mirian Bernieri, presidente da Aceab, com apoio do CDL, Câmara de Vereadores, Prefeitura, Sindicato Rural, Pedro Resende, Thales, e outros do setor do transporte, caminhoneiros autônomos e produtores rurais, entre outras entidades e instituições. (Rotary Club, Associação dos Engenheiros Agrônomos, empresas, produtores rurais, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e movimentos sociais e religiosos).

Foi o maior ato popular que a história de Água Boa já viu, segundo declaração do empresário Zé Queiróz. Ele disse que está há 43 anos na cidade, e jamais viu um ato público desta envergadura sem bandeiras políticas, mas pela união de toda a sociedade. A rotatória da MT-240/BR-158 em frente ao auto Posto Martinão, no Aeroporto Municipal ficou lotada de gente.

A maior parte do comércio fechou as portas em apoio ao manifesto. Cerca de 3 mil pessoas ou mais participaram da carreata que saiu da Praça da Cultura pela Av. Araguaia até o trevo da rotatória. Todos os segmentos da sociedade organizada estão apoiando o protesto nacional da classe dos motoristas de transportes de cargas. Todos os que se manifestaram no palanque montado, palavras de apoio aos caminhoneiros, e solicitando que os políticos que governam o país tratem de baixar o custo da máquina pública, baixando a carga tributária sobre os combustíveis e demais produtos.

O apoio aos caminhoneiros foi fundamental para que a classe continue seu protesto, disseram representantes da categoria.

TODAS AS FOTOS NO NOSSO FACEBOOK, VEJA: https://goo.gl/cNrk2f